PT cria cargo para Fernando Haddad liderar a oposição ao governo Bolsonaro.

PT completa 39 anos de fundação nesta segunda-feira (11) com a crescente certeza de que o presidiário Lula está fora do cenário político após segunda condenação na Lava Jato.

Para manter  Fernando Haddad, em evidência, o PT criou o cargo de coordenador dos Núcleos de Acompanhamento de Políticas Públicas (NAPPs).

Basicamente, a nova função de Haddad será liderar a oposição ao governo de Jair Bolsonaro.

Haddad passará a monitorar as ações do governo Bolsonaro e, ao mesmo tempo, elaborar propostas para oferecer à oposição ao longo dos próximos quatro anos em várias áreas como economia, políticas sociais, saúde, educação e segurança.

Com a segunda condenação de Lula da Silva na Operação Lava Jato, o partido se esforça para manter o protagonismo de Haddad, hoje o nome mais visível da legenda, como opção eleitoral.

A importância atual de Haddad para o PT foi resumida em uma frase de Alberto Cantalice, um dos vice-presidentes da sigla, durante o encontro.

“Haddad é hoje a maior liderança do PT, solta”, disse Cantalice à direção do partido, conforme  o jornal Estadão.

Deixe uma resposta