Universitário cai de andaime em boate e morre; 'selfie' pode ter sido o motivo

Daniel Rubem, de 25 anos morreu após cair de um andaime em uma boate, da área nobre do Distrito Federal, no último sábado (30).

Ele era estudante da UnB (Universidade de Brasília) e de acordo com relatos, ele teria escalado a estrutura para tirar uma selfie, se desequilibrou e caiu.

O acidente aconteceu por volta de seis horas da manhã. Segundo o boletim de ocorrência, o universitário foi encaminhado pelo Corpo de Bombeiros ao Hospital de Base ainda com vida.

Devido a gravidade dos ferimentos e um possível traumatismo craniano, Daniel Rubem teve que ser entubado. Ele não resistiu os ferimentos e morreu.

Em nota, a boate Yurb afirmou que o jovem recebeu assistência da equipe de segurança e brigadistas do local. Informou também que, fora do horário de funcionamento e após o fechamento dos portões da boate, Daniel teria escalado uma grade da estrutura da tenda de cobertura do espaço.

“Diante do fato, os seguranças e brigadistas do espaço prestaram imediata assistência ao rapaz, buscando mantê-lo em segurança até a chegada do Corpo de Bombeiros, acionado pelo estafe do local”, dizia um trecho da nota.

O caso está sendo investigado pela 1ª Delegacia de Polícia Civil, localizada na Asa Sul. Daniel também era modelo e atleta de escalada.

Horas após a confirmação da morte do universitário, amigos e familiares prestaram as últimas homenagens nas redes sociais de Rubem. “Estou sem acreditar até agora. Daria tudo pra ter dado um abraço”, disse um amigo.

Nas redes sociais, Daniel costumava mostrar suas aventuras

Info:

Leonardo Boff diz que brasileiros são estúpidos e Bolsonaro é despreparado

Emocionante : Carta de criança de para Bolsonaro viraliza nas redes sociais.

 

Deixe uma resposta