Tuíte custou caro e Zé de Abreu vai pagar indenização ao Albert Einstein

Hospital Albert Einstein pede valor alto em processo contra Zé de Abreu; saiba quanto

O ator global José de Abreu, está sendo processado pelo Hospital Israelita Albert Einstein, depois de um polêmico tuíte postado pelo ator no dia 1º de janeiro deste ano. A cúpula do hospital considerou difamatório o post.

Teremos um governo repressor, cuja eleição foi decidida numa facada elaborada pelo Mossad, com apoio do Hospital Albert Einstein, comprovada pela vinda do PM israelense, o matador e corrupto Bibi. A união entre a igreja evangélica e o governo israelense vai dar merda“, disparou Zé de Abreu.

Zé Abreu falava sobre a facada que o então candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro, sofreu na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais, no dia 6 de setembro de 2018, cerca de um mês antes das eleições. Bolsonaro foi atendido na Santa Casa da cidade mineira. No dia seguinte, foi encaminhado ao Albert Einstein, em São Paulo.

A ação indenizatória foi movida pela Sociedade Beneficente Israelita Hospital Albert Einstein contra o ator José Pereira de Abreu Júnior. O escritório responsável pela ação é o Milnitzki Advogados, de acordo com o colunista Ricardo Feltrin, do UOL.

Info; 1 News

Leia Mais:

Prisão de Temer gera enxurrada de memes na Internet

General se irrita com declaração de Rodrigo Maia e dispara : “Nhonho … Quer dar lição de moral?”

Organização criminosa liderada por Temer desviou mais de R$ 1,8 bilhão

 

Um comentário sobre “Tuíte custou caro e Zé de Abreu vai pagar indenização ao Albert Einstein”

  1. Com “justiça aparelhada à esquerda” já se pode saber qual vai ser o resultado … isso se não colocarem o autor como réu e ainda mandar pagar indenização ao “genial, grande e cuspidor”ator grobal.

Deixe uma resposta