“Queremos saber quem matou Celso Daniel e quem mandou matar Bolsonaro” diz senadora Thronicke

Na última  terça-feira, 12A senadora Soraya Thronicke (PSL/MS) usou sua conta no Twitter , para defender as investigações no caso Marielle Franco.

A senadora também questionou sobre o caso Celso Daniel, então prefeito de Santo André, assassinado em 18 de janeiro de 2002 e sobre o atentado contra o atual presidente Jair Bolsonaro, durante a campanha eleitoral de 2018.

“Sim, nós queremos saber quem matou Marielle, mas também queremos saber quem matou Celso Daniel e quem mandou matar Bolsonaro”, escreveu.

Ao Conexão Política, a deputada disse não entender a razão do silêncio da esquerda sobre um caso tão grave como a morte do ex-petista.

Soraya também citou as outras mortes que aconteceram durante as investigações.

“Um prefeito de esquerda morre e a esquerda não cobra o mandante. Ah… e após, quem matou/mandou matar as outras sete pessoas envolvidas com ele de uma forma ou de outra?”, indagou.

Leia mais:

Apresentado pedido de impeachment de Gilmar no Senado

Ciro diz que Gleisi é “chefe de quadrilha” e ela rebate dizendo “coronel oportunista”

#AImprensaMente ocupa o topo dos assuntos mais comentados do Twitter

 

Deixe uma resposta